Notícias

27/11/2019 15:16

Aplicativo da polícia para denúncias começa a operar em mais de 25 cidades do Paraná

Aplicativo da polícia para denúncias começa a operar em mais de 25 cidades do Paraná
Fonte: G1

"190 PR" foi lançado há um ano e já atendia 120 municípios do estado. Usuários podem registrar ocorrências de perturbação ou violência doméstica, por exemplo.

Começou a operar nesta segunda-feira (25) o aplicativo "190 PR" em municípios das regiões dos Campos Gerais do Paraná, além da Região Metropolitana de Curitiba. A ferramenta possibilita que os usuários façam denúncias para a Polícia Militar (PM).

O aplicativo foi lançado em outubro de 2018 e já funciona em cerca de 120 cidades do estado, segundo a Secretaria de Segurança Pública do Paraná (Sesp-PR). A PM informou que nesta etapa mais de 25 cidades receberão o serviço.

A partir desta segunda, a ferramenta começará a operar em municípios atendidos pelo seguintes batalhões e companhias:

1º Batalhão de Polícia Militar de Ponta Grossa

  • Ponta Grossa
  • Castro
  • Carambeí
  • Piraí do Sul
  • Jaguariaíva
  • Arapoti
  • Sengés

 

26º Batalhão de Polícia Militar de Telêmaco Borba

 

  • Telêmaco Borba
  • Ortigueira
  • Reserva

 

28º Batalhão de Polícia Militar da Lapa

 

  • Lapa
  • Contenda
  • Campo do Tenente
  • Quitandinha
  • Pien
  • Rio Negro
  • Palmeira
  • Porto Amazonas

 

8ª Companhia Independente de Polícia Militar de Irati

 

  • Irati
  • Rebouças
  • Rio Azul
  • Fernandes Pinheiro
  • Teixeira Soares
  • Imbituva
  • Ipiranga
  • Ivaí
  • Guamiranga
  • Inácio Martins

 

Nos próximos dias cidades das regiões de Cascavel, no oeste, e União da Vitória, no sul também receberão o serviço, que está em implantação.

Por meio do aplicativo, os usuários podem fazer denúncias principalmente de perturbação de sossego, violência doméstica e acidentes de trânsito.

Durante o registro da ocorrência, o usuário também poderá mandar informações como fotos, vídeos e áudios, segundo a polícia.

De acordo com a PM, a ferramente inibe trotes, já que os usuários precisam se identificar por meio de um cadastro, que exige informações como nome completo, RG e CPF.

A PM informou que a previsão é que todos os municípios do estado recebam o serviço até o fim deste ano, incluindo o Litoral para a Operação Verão.

O aplicativo está disponível para sistemas operacionais Android e iOS.

Encontre no site da AMAI

BENEFÍCIOS

Assine nossa newsletter